A 25º edição do Congresso Brasileiro de Zootecnia (Zootec), que ocorre em Fortaleza desde a última quarta feira (28), contou com a apresentação de pesquisas acadêmicas de diversos universitários de todo o Brasil até esta quinta (28), que contribuem para novas perspectivas mercadológicas da profissão.

Ludineia Monteiro, da Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), apresentou seu trabalho intitulado “Mastite causada por ‘Starphylococus sp.’ em ovelhas causando prejuízo na cadeia produtiva”. A expectativa dela é poder desenvolver ainda mais o trabalho depois que se formar.

“Pretendo continuar na linha de caprinos e ovinos quando estiver no mercado e contribuir com pessoas que seguem esta linha de pesquisa”.

Outra estudante que também apresentou trabalho científico durante o Zootec foi Rizya Oliveira, da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA), que analisou dados de fazendas para estudar BST somatotopina bovina.

Para Ezio Gomes da Mota, vice-presidente da Associação Brasileira de Zootecnistas (ABZ), este contato dos acadêmicos com o meio científico é importante para interação profissional.

“É importante dar ao estudante a oportunidade dos alunos participarem de discussões pertinentes a sua formação profissional e ter seus trabalhos reconhecidos”.

Além da apresentação de pôsteres, o evento também contou como parte da programação científica com simpósios, fóruns, seminários e minicursos. Os trabalhos acadêmicos que foram apresentados durante esta edição serão disponibilizados posteriormente no site da ABZ.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2019 Associação Brasileira de Zootecnistas

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?