A Embrapa Pecuária Sul (RS) inovou no Brasil ao criar de presuntos crus defumados e não defumados, copas, presuntos cozidos, mortadelas, hambúrgueres e até bacon produzidos a partir de carne ovina. Os produtos são resultado do projeto Aprovinos (Aproveitamento Integral de Carne Ovina), que avalia alternativas para levar ao mercado novas opções de consumo deste tipo de carne. As informações são Empresa Brasil de Comunicação (EBC).

De acordo com a coordenadora do projeto, a pesquisadora da Embrapa Élen Nalério, todos esses produtos são feitos com categorias animais com pouco valor comercial hoje, como ovelhas mais velhas e de descarte, mas que ainda possuem bastante qualidade nutricional. A inspiração para o desenvolvimento dos produtos veio de derivados de carne suína.

“No caso do presunto cru, por exemplo, que é uma peça única e com osso, são levadas em consideração as diversas reações bioquímicas que ocorrem durante a conversão da carne em presunto para encontrar as condições de umidade e de calor, além da salga, para chegarmos ao produto final com a qualidade que queríamos e sem riscos de consumo”.

Ao todo, foram três anos de pesquisas em áreas como processo de salga e de cura para desenvolver os novos produtos. Por serem inéditos no mercado, foi preciso partir de produtos similares de outros animais para chegar a processos que garantissem a qualidade, sabor e segurança para o consumidor.

“Muitas vezes não existe oferta de produtos ovinos nos supermercados e quando há são peças grandes e congeladas, o que não é atrativo para consumidores de grandes centros urbanos”, ressalta Élen.

1 Comentário
  1. jose Roberto 3 anos atrás

    Gostaria de receber mais informações de como fazer esses produtos. Já faço com suínos

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2019 Associação Brasileira de Zootecnistas

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?