O zootecnista e professor Rondon Yamane do Instituto Federal do Amazonas (IFAM), campus Itacoatiara, teve sua dissertação escolhida por unanimidade como a melhor dissertação defendida em 2018 no Programa de Pós-graduação em Ciência e Tecnologia para Recursos Amazônicos (PPGCTRA), da Universidade Federal do Amazonas (UFAM). Seu trabalho, defendido como tese de mestrado, abordou o sistema Aquaponia como ferramenta didática para formação inicial e continuada de professores de ciências.

(Foto: Arquivo pessoal)

“Foi com muita alegria que recebi a notícia de que minha dissertação havia sido escolhida a melhor do ano de 2018. Foi muito empenho e dedicação, pois, durante o mestrado continuei trabalhando, fiz disciplinas, realizei a pesquisa e continuei orientando meus alunos e desenvolvendo os projetos que estavam em andamento”, disse Rondon.

Para Rondon, a Zootecnia tem se destacado muito na área da pesquisa com o desenvolvimento de trabalhos que podem contribuir e muito com a produção agropecuária nacional.

“Aqui na região Norte, onde atualmente moro e trabalho, ainda há muito o que se fazer e aos poucos novos colegas estão se formando ou vindo de outras regiões para alavancar as pesquisas e a produção agropecuária”, pontua.

O TRABALHO

Em seu trabalho, Rondon utilizou o sistema Aquaponia, ferramenta que integra a produção aquícola com a produção de hortaliças. Mas a pesquisa em si não era para avaliar o desempenho dos peixes e plantas produzidas e sim a utilização do sistema aquaponico com uma ferramenta didática para formação de professores. Rondon trabalhou com professores do ensino médio de uma escola pública e o projeto era utilizado para que os professores ministrassem aulas práticas. Ele exemplifica:

“O professor de biologia poderia falar sobre ciclo do nitrogênio e mostrar como as reações químicas aconteciam. O professor de matemática poderia ensinar cálculo de área e volume. O de física ensinava empuxo, refração, etc.”.

No desenvolvimento do estudo, Rondon também acompanhou alunos de licenciatura em química e biologia. Neste caso, os alunos programavam uma atividade e ministravam aos alunos do ensino médio. Assim teriam a oportunidade de vivenciar o dia a dia de um professor, despertando para a realidade que se aproxima.

5 Comentários
  1. Carolina Lara 10 meses atrás

    Parabéns Rondon!!! Presentando o nosso querido Brasil 🇧🇷 !!

  2. Débora Barroso 10 meses atrás

    Parabéns professor…

  3. Nícia Valéria Silva de Araújo 10 meses atrás

    Importante reconhecimento para todos nós!

  4. Denner Matos Roma 10 meses atrás

    Parabéns!!! De caráter interdisciplinar!!Show

  5. Frederico Portella 10 meses atrás

    Parabéns, Rondon!

    Fiquei sabendo da sua pesquisa por essa notícia e fiquei surpreso com a coincidência.
    Sou professor de ciências no Rio de Janeiro e montei um projeto de aquaponia para dar aulas práticas pra alunos do ensino fundamental da rede pública.
    Se quiser trocar informações sobre o assunto, meu mail é fredaxtpor@hotmail.com

    Abs
    Fred

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2020 Associação Brasileira de Zootecnistas

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?