As possibilidades de atuação de profissionais da zootecnia e da medicina veterinária em áreas correlatas continuam causando discussões quanto as especificidades de cada profissional. Atualmente, segundo as legislações máximas que regem a produção e o comércio de produtos destinados à alimentação animal, zootecnistas e veterinários podem prescrever rações para animais. Os zootecnistas, porém, não poderiam fazer a indicação em casos de rações medicamentosas.

Leia também: Falta de informação ainda exclui zootecnistas na indicação de rações

Na opinião do zootecnista Walter Motta Ferreira, ex presidente da Associação Brasileira de Zootecnistas (ABZ) e atual conselheiro, ao pé da letra, não deveria existir a ideia de uma formulação, dieta ou ração medicamentosa. Para Ferreira, estes alimentos não são veículos seguros de medicamentos.

“O que sim é possível admitir, com ressalvas, é a indicação de um medicamento em uma formulação/dieta/ração. Assim mesmo, com altíssima restrição na sua concepção já que dieta/alimento/ração não é veículo seguro de medicamentos, pois, as condições de consumo podem ser tão diversas que incluir um princípio ativo medicamentoso na alimentação pode resultar em um problema maior do que se espera resolver com o produto”.

Ainda de acordo com Ferreira, a formação atual do médico veterinário não é compatível para que estes profissionais façam indicação de rações.

“Defendo veementemente esta posição como nutricionista e entendo que a formação atual do médico veterinário não é compatível, logo após a sua graduação, à competência necessária para garantir qualidade ou segurança de um produto alimentício para animais com ou sem medicamentos. Este papel é exclusivamente do zootecnista”.

4 Comentários
  1. Marco 7 anos atrás

    Por isso é um zootecnista e não um Médico Veterinário.

  2. Ricardo 7 anos atrás

    Em que Mundo vive esse cidadão? Será que ao menos, ele se informou sobre a grade de disciplinas do curso de Medicina Veterinária? O que é o desespero por uma fatia de mercado!? Não precisa disso!

    • João 7 anos atrás

      Medicina veterinária pega 32 horas sobre zootecnia. Já no curso de Zootecnia (mais de 4000 horas) nós falamos disso o curso inteiro e aprende sobre detalhes de ração e utilização destas,

    • Renato Guimaraes 7 anos atrás

      A Medicina Veterinária é uma vergonha
      é um diploma 2 em 1 , que só uma lei defendida por aproveitadores , ainda faz existir.

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2024 Associação Brasileira de Zootecnistas

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?