A diretoria executiva da Associação Brasileira de Zootecnistas (ABZ) está convocando zootecnistas de todo o país que trabalhem com avicultura a publicarem depoimentos curtos, em vídeo ou por escrito, relatando brevemente sobre as suas atuações no setor. O objetivo é mostrar o impacto negativo da decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), que definiu como privativa aos médicos veterinários a Responsabilidade Técnica na Produção de Aves.

Entenda: ABZ recorrerá na Justiça contra decisão do TRF1 sobre RT em produção de aves

“Hoje o mercado conta com zootecnistas extremamente capacitados trabalhando no setor e que serão penalizados por essa decisão. Sem contar os acadêmicos que estão estudando pra trabalharem na área. Na graduação, nós estudamos durante cinco anos para trabalhar com produção animal. Sem contar nossas especializações neste setor e tantos outros. Não podemos ser excluídos da nossa própria área”, frisa Marinaldo Divino Ribeiro, presidente da ABZ.

Os interessados em participar da campanha podem publicar os materiais em suas redes sociais utilizando as hashtags #ZootecnistaCuidadeAves e #RespeitoAosZootecnistas, ou, ainda, enviá-los diretamente para a associação através do direct, no Instagram, ou na inbox, pelo Facebook. Os depoimentos serão repostados nos canais oficiais da ABZ durante a campanha.

CAPA

Abaixo, a ABZ disponibiliza para download uma capa para ser utilizada no Facebook em apoio à manutenção dos zootecnistas como responsáveis técnicos na produção de aves. Clique aqui para baixar ou salve o arquivo abaixo.

4 Comentários
  1. Francisco Fireman 1 mês atrás

    Mais uma ação negativa da CFMV que prejudica todos Zootecnistas e a cadeia produtiva. Todos os Zootecnistas por desmotivar (profissionais e estudantes). A cadeia produtiva por perder profissionais qualificados e competentes que já estão atuando na área.

    Qual será a próxima ação negativa da CFMV sobre os Zootecnistas? Temos que esperar uma próxima ação negativa da CFMV? Temos que ficar sempre entrando em ação contra o conselho?

    Acho que chega, basta este tipo de atitude. Temos que fazer nosso CFZ.

    #EuqueroCFZ

    Não suporto mais. Temos que ter uma atitude radical. Fazer uma campanha, como por exemplo, sair do conselho. Ou, renunciar qualquer cargo no conselho. Nunca mais votar, ou votar nulo em qualquer chapa que não tenha um Zootecnista como presidente, ou seja, sempre. E deixar o CFMV para os veterinários e criar no nosso próprio conselho.

  2. GILBERTO APARECIDO RODRIGUES 1 mês atrás

    Há muito que o CRMV vem cerceando a atividade do Zootecnista. Um país que precisa de assistência técnica não pode dar ao luxo de deixar uma classe a deriva. Há espaço para todos. CRMV, assim como outros conselhos, um dia não serão considerados entidades publicas. Por uma zootecnia forte.

  3. Kleber Pelicia 1 mês atrás

    Essa ação não é negativa somente para docentes zootecnistas que ministram a disciplina de avicultura no curso de zootecnia mas também para médicos veterinários que lecionam avicultura no curso de zootecnia. Ressalta-se que o curso de zootecnia emprega muitos docentes formados em medicina veterinário que serão prejudicados com essa decisão pelo reflexo da falta de motivação dos acadêmicos que cursam zootecnia. Não menos importante não podemos deixar de pensar que sem o curso de zootecnia muitos professores com formação em medicina veterinária estrariam desempregados!!!

  4. Josione Belarmino 4 semanas atrás

    A verdade é que o CFMV está tentando acabar com a Zootecnia, isso é fato! Temos que ter uma união mais forte em torno de nossa profissão para, o mais rápido, criarmos nosso conselho. É fundamental uma maior divulgação sobre a necessidade do profissional zootecnista em toda a produção animal e não só direcionada para alimentação humana, pois nossa presença como nutricionistas é essencial para a saúde de cães, gatos e outras espécies. É incrível ver como a nutrição de cães, gatos e outros pets de companhia é deixada em segundo plano nos cursos de Zootecnia, o que afasta muitos alunos, deixando uma parcela do mercado muito lucrativa para outros profissionais sem nenhuma competência para exercer nutrição. O que torna fundamental uma revisão sobre as ementas do curso por parte das entidades formadoras de profissionais zootecnistas….

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2019 Associação Brasileira de Zootecnistas

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?